Declarado o estado de emergência na Nova Zelândia

6 de março de 2023

Partilhar no LinkedIn Partilhar no Facebook Partilhar no X

Na terça-feira, 14 de fevereiro, e apenas pela terceira vez na história, o Governo da Nova Zelândia anunciou o estado de emergência nacional.

As inundações e a destruição que se seguiram ao ciclone Gabrielle deixaram Northland, partes de Auckland e a costa oriental da Ilha do Norte devastadas. O Primeiro-Ministro Chris Hipkins declarou que a tempestade, que matou 11 pessoas, causou danos "a uma escala que não se via na Nova Zelândia há pelo menos uma geração".

Em algumas zonas, caiu mais de meio metro de chuva em apenas 11 horas, milhares de casas ficaram inundadas e cerca de 10 500 pessoas ficaram desalojadas. As estradas ficaram submersas e as principais auto-estradas foram encerradas devido a deslizamentos de terras e ao desmoronamento de estradas. O fornecimento de energia e os serviços de telefonia móvel também foram afectados, tornando quase impossível contactar as pessoas com necessidades urgentes.

Esta última catástrofe ocorreu apenas duas semanas depois de Auckland ter recebido cerca de metade da sua precipitação anual nos primeiros 45 dias de 2023, causando inundações generalizadas. O Ministro das Finanças declarou que este foi o "maior acontecimento não sísmico" em termos de seguros alguma vez registado no país.

Dar prioridade aos clientes vulneráveis

No primeiro evento climático, foram recebidas cerca de 30 000 reclamações em todo o sector. Estes abrangem todos os tipos de perdas - desde propriedades domésticas e comerciais, incluindo fábricas, supermercados e casas de repouso. A água das cheias também danificou inúmeros veículos.

Atualmente, enquanto as equipas de busca e salvamento prosseguem os esforços de recuperação na Costa Leste, os nossos reguladores continuam a ajudar os segurados retidos e sem abrigo.

A nossa equipa local de resposta NZ CAT foi reforçada com os nossos centros regionais que fazem a triagem de cada pedido à medida que este chega. A nossa atenção centra-se na visita aos clientes de "prioridade um" - dando uma resposta direccionada e cuidados adicionais aos mais vulneráveis. Para os que ficaram completamente sem casa, a escassez local de habitações está a aumentar a pressão sobre a necessidade crescente de alojamento temporário.

Trabalhar em conjunto

Em todo o país, as nossas equipas de regulação de sinistros e de grandes e complexas perdas (MCL) foram mobilizadas para ajudar a gerir este enorme aumento de sinistros, com a assistência adicional de especialistas da Sedgwick na Austrália, Canadá e África do Sul. As ferramentas digitais também permitem o apoio remoto das equipas de gestão de sinistros da nossa rede global. Estamos todos concentrados em garantir que as visitas e avaliações iniciais sejam efectuadas o mais rapidamente possível.

Os sinistros de deslizamento de terras são um pouco mais complicados, uma vez que envolvem uma cobertura de apólice separada, que é exclusivamente fornecida pela Toka Tū Ake EQC, também conhecida como a Comissão de Terramotos, que é uma entidade da Coroa da Nova Zelândia. Os nossos avaliadores locais estão a processar este trabalho em estreita colaboração com as seguradoras de habitação dos clientes.

Apoio abrangente

Os recentes fenómenos meteorológicos têm muitas facetas diferentes, que exigem uma vasta gama de competências e apoio de várias áreas da empresa.

  • Consultoria de construção - As nossas equipas de consultoria de construção estão no terreno e continuam a ajudar os clientes nas áreas mais afectadas - coordenando a remoção inicial da propriedade. Segue-se de perto a definição do âmbito e o cálculo dos custos dos danos. Estão a gerir os desafios associados causados por problemas na cadeia de fornecimento global de alguns materiais de construção, nomeadamente revestimentos de paredes em gesso cartonado e carpintaria de cozinha.
  • EFI Global - Vários edifícios danificados foram declarados estruturalmente inseguros e "colocados a vermelho" pelo conselho local, reforçando a necessidade de os engenheiros da EFI Global estarem no local para inspecções.
  • Contabilidade for ense - Existem muitos sinistros comerciais e de grandes perdas, a maioria dos quais inclui um elemento de interrupção de atividade (BI). A nossa equipa de contabilidade forense responde rapidamente a todas as perdas por BI para garantir que os clientes obtêm prontamente o apoio financeiro provisório vital de que necessitam.

Colaboração do sector

Em toda a indústria, os especialistas estão a colaborar para partilhar recursos e informações, trabalhando em conjunto para fornecer a ajuda fundamental de que necessitam tantos clientes deslocados e em dificuldades. Estamos todos a equilibrar a necessidade de uma resposta rápida com a realização adequada do trabalho, protegendo simultaneamente a segurança das nossas equipas.

Enquanto sector, temos uma montanha de trabalho para realizar nos próximos meses, mas a nossa atenção continua a centrar-se firmemente na prestação de um nível exemplar de assistência ao cliente. Nunca o "caring counts" foi tão importante.